Formação Avançada para Administradores Não Executivos - IFB

T. +351. 217916200Bolsa FormadoresSite APB

Localização

IFB Lisboa

Informação importante

Folheto Informativo

Contactos

Catarina Santos
Telefone
+351 217916293
E-mail
c.santos@ifb.pt
QR Code

Data

11 Out 2019 - 17 Out 2019

Horário

9:00 - 18:00

Metodologias

Presencial

Formação Avançada para Administradores Não Executivos

ENQUADRAMENTO

Corporate Governance
As Funções Comportamentais dos Não Executivos no Funcionamento dos CAdm
Auditoria e Reporte Financeiro
Gestão de Risco e Controlo Interno

 

DESTINATÁRIOS:
Administradores Não Executivos dos Conselhos de Administração. Membros das Comissões de Auditoria.

 


OBJECTIVOS

  • Transmitir conhecimentos e desenvolver competências que contribuam para o pleno desempenho de funções Não Executivas
  • Salientar a importância dos deveres e responsabilidades inerentes ao desempenho de funções Não Executivas
  • Apresentar o “Estado da Arte” dos principais temas críticos que dominam o exercício da atividade do Sector Bancário, salientando o seu impacto no exercício de funções Não Executivas

 

PROGRAMA

Módulo I – Corporate Governance (3h)

  • Enquadramento e Princípios do Governo das Sociedades
  • Evolução da Corporate Governance
  • Estruturado Sistema e Instrumentos de Governação
  • Critérios de Adequação Individual e Coletiva
  • Remuneração
  • Modelos de Funcionamento dos Conselhos de Administração
  • Deveres e Responsabilidades dos Membros Executivos e Não Executivos
  • Gestão de Conflitos de Interesse

Módulo II – Gestão de Risco e Controlo Interno (3h)

  • Gestão de Riscos na Atividade Bancária
  • Estrutura do Balanço dos Bancos
  • Risco de Crédito
  • Risco de Mercado
  • Risco Operacional
  • Reporte e Regulamentação

Módulo III – Auditoria e Reporte Financeiro (3h)

  • Conceito de Auditoria: objeto e objetivos
  • Auditoria de Relato Financeiro: Auditoria de interesse públicos;
  • Processo de Auditoria;
  • Conclusões e relato de Auditoria.

Módulo IV – As Funções Comportamentais dos Não Executivos no Funcionamento dos CAdm (3h)

  • As Funções do Administrador Não Executivo
  • O Perfil de Liderança  para um Administrador Não Executivo
    • Os Desejos Interiores
    • As Virtudes
    • A Utilização das Suas Qualificações
    • O Seu Estilo e o Papel que tem a Desempenhar
  • O Impacto da Liderança do Administrador Não Executivo

 

CORPO DOCENTE: 

 

ANTÓNIO NETO DA SILVA
CEO do IFB – Instituto de Formação Bancária e Presidente do ISGB – Instituto Superior de Gestão Bancária, desde 10 de Julho de 2017.
Certificado em “ModernGovernancein Banking” no INSEAD ExecutiveEducation, 2018/2019, Fontainebleau.
Master em Estudos Europeus Contemporâneos (Economia) pela Reading University, UK (distinction).
Licenciado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto.
Tem um currículo académico, de serviço público e associativo substancial, nomeadamente:
Foi Secretário de Estado do Comércio Externo, tendo sido o Chefe Negociador do Investimento de USD 3 bnfeito em Portugal pela Ford e pela VW (AutoEuropa).
É Professor da Universidade Católica Portuguesa (nas pós graduações, mestrados e doutoramentos, desde 1985).
Foi Professor da Faculdade de Economia do Porto até 1984 em Planeamento e Avaliação de Projectose regente da cadeira de Integração Económica e Instituições Internacionais.
Foi membro da Comissão de Auditoria e Administrador não-executivo, membro do Conselho Fiscal e membro do Conselho Consultivo do Banif. Foi Presidente do Conselho Fiscal da Companhia de Seguros Açoriana. Foi Acionista Fundador e Presidente do Conselho de Administração de empresas na área financeira e no sector da Engenharia Espacial.
No campo associativo, é Vice-Presidente da Mesa da Assembleia Geral e Membro do Conselho da Indústria da CIP – Confederação Empresarial de Portugal. Foi, de 2003 a 2017  fundador e Presidente do CAdmda PROESPAÇO – Associação Portuguesa das Indústrias do Espaço. Foi membro do Conselho de Administração e Presidente da Comissão Financeira da EUROSPACE, EuropeanAssociationofSpaceIndustries (Paris).

INÊS PALMA RAMALHO
Atualmente a terminar o Mestrado em Direito (Ciências Jurídico-Empresariais), na Universidade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, é pós-graduada em Mercados Financeiros, pelo Instituto de Direito Financeiro e Fiscal (IDEFF), em 2014 e em Direito Penal Económico & Financeiro, pelo Instituto de Direito Penal e Ciências Criminais (IDPCC), em 2008. Licenciada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, em 2008. Desempenhou funções de Técnica Superior no Departamento de Supervisão Prudencial do Banco de Portugal, entre 2014 e 2015 e de Consultora/Project Manager e Controllerna Estrutura de Acompanhamento dos Memorandos de Entendimento (ESAME)/Governo de Portugal, no âmbito do Programa de Assistência Financeira, entre 2011 e 2014. Foi Associada Júnior na «UríaMenéndez-Proença de Carvalho», onde também estagiou, entre 2008 e 2011. É ainda Assistente Convidada na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, desde 2011, lecionando as cadeiras de Direito Comercial I e II. Inscrita na Ordem dos Advogados desde 2011. Participa habitualmente como oradora em conferências subordinadas a temas de Direito Bancário, Direito das Sociedades Comerciais, Reestruturação de Empresas e Insolvência. É advogada do departamento Financeiro e Governance, da Sérvulo.

MARIA DA LUZ MIRANDA
Mestre em Gestão de Empresas (Auditoria Contabilística, Económica e Financeira), pela UAL. Pós-graduada em Auditoria de Gestão, pelo ISCTE. Licenciada em Auditoria, pelo ISCAL. Bacharel em Contabilidade e Administração, pelo ISCAL.  Foi coordenadora da área de Auditoria a Estruturas Centrais, Sucursais e Filiais, da direção de Auditoria Interna da Caixa Geral de Depósitos, sendo responsável pelo planeamento, organização, acompanhamento e revisão de todas as ações de auditoria realizadas por esta área em Portugal e no estrangeiro. Coordenação das equipas de auditoria responsáveis pela realização dos testes aos controlos, no âmbito da implementação do programa de risco operacional e controlo interno, na CGD.

RUI CORREIA
É atualmente consultor e formador certificado na área de Mercados Financeiros.
Anteriormente foi Diretor de Mercados e Investimentos no Banco BNI Europa com a responsabilidade dos Departamentos de Tesouraria e de Mercados Financeiros. Foi, durante 6 anos, Diretor de Risk Solutions no Barclays Portugal assumindo a área de produtos de gestão de risco para o segmento de clientes corporate. Antes, trabalhou no Royal Bank of Scotland em Londres e Madrid onde teve a responsabilidade pelo desenvolvimento de soluções de gestão de risco para as áreas de clientes corporate e institucionais em Portugal. Durante os 7 anos em que trabalhou no RBS  teve também oportunidade de desenvolver operações com clientes do Leste Europeu, Espanha e Austrália.
Tendo iniciado a sua carreira em 1989 na área de Mercados Financeiros, acumulou significativa experiência nas áreas de trading, estruturação e vendas nas suas funções desenvolvidas em importantes bancos nacionais e internacionais. Desenvolveu ainda uma extensa rede de contactos e mantém-se ativo em outras atividades relacionadas com os Mercados Financeiros nomeadamente nas áreas de formação e certificação de profissionais.
É licenciado em Economia pela ULHT, possui uma Pós-Graduação em Finanças, Mercados e Ativos Financeiros pelo ISCTE e é membro do Conselho Diretivo da ACI (Portugal) – The Financial Markets Association, sendo também o representante nacional no Grupo de Trabalho de Regulamentação Financeira da ACI Internacional.

 


DURAÇÃO
: O programa tem uma duração de 2 dias – 14 horas, estando organizando por módulos independentes com cerca de 3h cada.

Tags: