T. +351. 217916200Bolsa FormadoresSite APB

InforBANCA 112

IFB-InforBanca_112
Edição InforBanca em PDF

EDITORIAL

Esta é a primeira InforBanca de 2018 e apresenta um design novo, com um impacto muito particular, por exemplo, no modo de apresentação do "Snapshot APB do sector bancário em Portugal". Quanto aos artigos que constituem o alinhamento, incluem temas que são foco de grande atenção por parte do sector financeiro, a saber:

"O consentimento no Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados", Joana Mota analisa, entre outros aspetos, o que é exigido atualmente pela Diretiva 95/46 (e Lei 67/98) e as principais alterações que o RGPD vai trazer nesta matéria, procurando dar alguns exemplos concretos do seu impacto na noção de consentimento válido.

"Novos Desenvolvimentos da Legislação de Prevenção do Branqueamento de Capitais e do Financiamento do Terrorismo na sua Aplicação ao Sector Financeiro", José Manuel Faria escreve sobre o regime da prevenção do branqueamento de capitais que desde a sua origem resultou de um impulso internacional (CEE/UE e, em larga medida, exterior à própria Comunidade Europeia) e que procura, agora, novas soluções para o risco específico de utilização do sistema financeiro para o financiamento do terrorismo.

"Crédito Hipotecário - A Qualificação Obrigatória dos Colaboradores e as Novas Regras", Marina Moreira chama a atenção para as exigências e constrangimentos das novas regras em vigor desde 1 de janeiro de 2018 e seu impacto nas instituições e nos intermediários de crédito, nomeadamente ao nível da avaliação de conhecimentos para intervirem na comercialização do crédito hipotecário.

"Implementação da DMIF II – Referenciais comuns ou divergência comum nos referenciais de qualificações", Mariola Szymańska-Koszczyc, analisa a implementação da DMIF II à luz das qualificações exigidas, partilhando o trabalho que tem desenvolvido não só no seu país (Polónia) mas nos projetos europeus em que tem estado envolvida.

"Compliance e Cooperação Fiscal Internacional e Europeia", Nuno Sampayo Ribeiro escreve sobre a Prioridade ao reconhecimento da relevância da atividade dita de compliance para a criação de valor, inclusive de gestão e do reforço da reputação corporativa.

"Modelo de Gestão de uma Carteira de Investimentos, Pedro Felicianoapresenta um modelo de gestão de carteiras de investimento em arquitetura aberta, que preconiza a compra e manutenção dos ativos no longo prazo (buy and hold) e utiliza métricas quantitativas para definir quando deve ser reduzida a exposição ao mercado.

"Banca 4.0 - A Banca Digital do Futuro", Paulo Alcarva elabora sobre o impacto do digital na banca que vem revolucionar, estruturalmente, todo o modelo de negócio. O autor defende que sobreviver é ser cashless, paperless e virtual, identificando a tecnologia blockchain como a ferramenta que conduzirá o processo.

Como habitualmente, a Inforbanca dá visibilidade às atividades desenvolvidas no âmbito do Projeto de Educação Financeira da APB. Neste número, no texto"A Banca do Futuro vista pelos Jovens do Presente", Rita Machado apresenta a mais recente iniciativa da APB, dinamizada pelo grupo de trabalho de Educação Financeira, que decorreu no final do ano passado e consistiu numa atividade designada por Innovation Challenge com o apoio da Junior Achievement Portugal.

Finalmente, "Banking Summit: um debate profundo sobre a Nova Era do Sector Bancário" é o texto jornalístico da autoria de Joana Rodrigues, sobre os remains of the day, deste grande evento organizado pela APB e SIBS a 6-7 de fevereiro.

 

E claro, algumas boas sugestões Lifestyle!

 

Boas Leituras!

Ana Terras